Convivendo com as mudanças climáticas

Logo_INPE Logo após o acontecimento do acidente do AF 447, ventilamos em alguns post a possibilidade de as mudanças climáticas terem influenciado para a consecução do acidente aéreo. Assim, cconsultamos alguns especialistas na área climática e de aviação.

Recentemente recebemos a resposta do cientista Carlos Nobre do INPE, que sabiamente pontua que ainda é cedo para se afirmar que o clima pode ter colaborado para que o acidente ocorresse. Porém, Nobre chama a atenção para a necessidade de nos adaptarmos a um mundo onde as condições climáticas então em mudanças face ao Aquecimento Global.

Fiquem com as considerações do Dr. Carlos Nobre: 

foto_dentro5061_3 Não ha prova conclusiva de que condições meteorologicas tenham sido determinantes do acidente da  Air France sobre o oceano Atlântico. Ha que se aguardar a investigacão técnica  oficial sobre prováveis causas do acidente.

De modo geral, um planeta mais quente dará ensejo a formacão de chuvas de tempestades mais frequentemente.

Deve-se esperar que as nuvens convectivas de grande desenvolvimento vertical, associados com nuvens cumulo-nimbos, acontecam mais vezes do que quando o planeta não estava sob a influência do aquecimento global.

Portanto, para todos os setores onde chuvas intensas e nuvens de tempestades pode afetar o funcionamento, deve buscar formas de adaptacão e de conviver com a nova realidade climática que vai aos poucos se desenhando. Isto vale tambem para o setor de aviação.

 

O Eco Briefing´s agradece a colaboração do Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais – INPE na pronta resposta a nossa pergunta.

Foto: Carlos Nobre – Fapesp / logo – Cimss

2 Respostas para “Convivendo com as mudanças climáticas

  1. Ola!
    Meu nome é Daniela, tenho 17 anos e estou terminando o ensino médio. Estou realizando um trabalho para a matéria de geografia, e gostaria de lhes informar, que este artigo foi de grande valia.
    Obrigado!

    • Olá Daniela,
      É uma satisfação compartilharmos informações e ter colaborado com a sua pesquisa.
      Sucesso!
      Eco Briefings

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s